Classe Virtual:

SAIBA COMO FOI O AVANÇO MISSIONÁRIO EM PARARI-PB

1 de fevereiro de 2016

Lição 6: O Tribunal de Cristo e os Galardões

Lição 6: O Tribunal de Cristo e os galardões

Data: 7 de Fevereiro de 2016

TEXTO ÁUREO
“Porque todos devemos comparecer ante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o que tiver feito por meio do corpo, ou bem ou mal” (2Co 5.10).
VERDADE PRÁTICA
Todos os crentes deverão comparecer diante do Tribunal de Cristo para que cada um receba a sua recompensa.

LEITURA DIÁRIA
Segunda — Mt 12.37 - Seremos justificados ou condenados mediante as nossas palavras
Terça — Rm 8.1 - Não há condenação para aqueles que estão em Jesus Cristo
Quarta — 2Tm 4.8 - O justo Juiz dará a coroa da justiça a todos que amarem a sua vinda
Quinta — Ef 2.10 - O crente foi gerado em Jesus Cristo para realizar as boas obras
Sexta — Mt 5.16 - A nossa luz deve resplandecer diante dos homens
Sábado — Ap 22.12 - Em breve Jesus virá e dará galardão a todos aqueles que foram fiéis

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE
1 Coríntios 3.11-15.
11 — Porque ninguém pode pôr outro fundamento, além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo.
12 — E, se alguém sobre este fundamento formar um edifício de ouro, prata, pedras preciosas, madeira, feno, palha,
13 — a obra de cada um se manifestará; na verdade, o Dia a declarará, porque pelo fogo será descoberta; e o fogo provará qual seja a obra de cada um.
14 — Se a obra que alguém edificou nessa parte permanecer, esse receberá galardão.
15 — Se a obra de alguém se queimar, sofrerá detrimento; mas o tal será salvo, todavia como pelo fogo.

HINOS SUGERIDOS
157, 286 e 547 da Harpa Cristã.

OBJETIVO GERAL
Mostrar que todos os crentes vão comparecer diante do Tribunal de Cristo para serem recompensados por suas obras.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS
Abaixo, os objetivos específicos referem-se ao que o professor deve atingir em cada tópico. Por exemplo, o objetivo I refere-se ao tópico I com os seus respectivos subtópicos.
    I. Saber que todos os salvos vão estar perante o Tribunal de Cristo para serem galardoados;
    II. Explicar como Cristo vai julgar as nossas obras;
    III. Compreender que chegará o dia em que teremos de prestar contas a Jesus das nossas ações.

INTERAGINDO COM O PROFESSOR
Servir a Deus é um grande privilégio e muitos têm dedicado toda a sua vida ao serviço do Mestre. Na seara do Senhor, enfrentamos lutas, decepções, frustrações, toda a sorte de intempéries, mas vai valer à pena. No grande Dia do Senhor, seremos recompensados com os lauréis e os galardões. A Palavra de Deus nos mostra que as obras de muitos crentes perecerão quando forem provadas pelo fogo do Senhor. Deus conhece a intenção dos corações. Podemos enganar aos homens, mas não ao Eterno. Muitos fazem a obra de Deus buscando a glória para si, logo, já tiveram a sua recompensa.

Que possamos realizar a obra de Deus com alegria, amor, fazendo tudo de coração, para a glória do Pai e não para ser visto pelos homens.

COMENTÁRIO
INTRODUÇÃO
Na lição de hoje estudaremos acerca do Tribunal de Cristo e dos galardões. Todos os crentes terão que comparecer a este tribunal, porém não se trata do Juízo final, que será instaurado para o julgamento dos ímpios (Ap 20.11-15), mas será um tribunal para julgar as obras e os atos dos crentes, recompensando-os, ou não, pelo que fizeram em sua vida. Neste Tribunal, todos os fiéis em Cristo serão galardoados com justiça. [Comentário: Os crentes serão julgados? A Bíblia diz: “E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo...” (Hb 9.27). Até mesmo uma pessoa salva deverá passar por um julgamento, o julgamento do tribunal de Cristo. O julgamento de 1 Coríntios 3, com ênfase nos versos 13 e 14, refere-se aos cristãos, de modo que se alguém é salvo – é um filho de Deus – e é aí que ele se encaixa. O Tribunal de Cristo, desta forma, envolve crentes dando contas de suas vidas a Cristo. O Tribunal de Cristo não determina salvação; esta foi determinada pelo sacrifício de Cristo em nosso lugar (1Jo 2.2), e nossa fé Nele (Jo 3.16). Todos os nossos pecados são perdoados e nunca seremos condenados por eles (Rm 8.1). Não devemos olhar para o Tribunal de Cristo como Deus julgando nossos pecados, mas sim como Deus nos galardoando por nossas vidas. Sim, como dizem as Escrituras, teremos que dar conta de nossas vidas. Parte disto é, certamente, dar conta pelos pecados que cometemos. Entretanto, este não será o foco principal do Tribunal de Cristo.] Let's think maturely Christian faith?

Lição 06: O Tribunal de Cristo e os Galardões (Pr. Elinaldo Renovato de Lima.)